MAR DE MORROS

quinta-feira, 25 de julho de 2013

PENSE NISSO

Já nem digo cantor ou músico, apenas compositor. Seria interessante se eu escrevesse tal obra, ou seja, a minha biografia, com toda a minha modéstia, afinal, não precisa ser famoso para tal. Qualquer um pode escrever sua biografia, acredito que o mundo seria melhor, cada um passando sua experiência de vida para o outro. Certa vez, um amigo me disse, Biografia de quem não é famoso ou conhecido não vale a pena! Desculpe-me porque eu discordo totalmente, digo isso porque podemos encontrar coisas muito mais importantes na vida de um desconhecido do que na de um conhecido, o que importa é a lição de vida que cada um de nós tem na bagagem, é isso aí.

A MULHER, O RIO E O FILHO (Anybal & Anderson Freitas)

ANYBAL E O RECITAL, VERDE DA MATA, NA XII EXPO DE RECREIO-MG, 1990


Foi numa quinta-feira, dia 26 de julho de 1990 que Anybal [na época era com 'y'] subiu ao palco da Exposição Agropecuária de Recreio, sozinho, com o seu violão e cantou quinze músicas suas e de parceiros, de cunho político-social, sob a direção do seu parceiro Antonio Armindo, que passava férias em sua casa.
Na verdade, não foi um show de muitos aplausos e sim, um Recital simples, com a finalidade de transmitir mensagens culturais. Aliás, Anybal estava preparado para ser ouvido por poucos, pessoas que realmente não estão dominadas pelos meios de comunicação, ou seja, por pessoas que pensam por conta própria, completamente desarmadas para aceitar o diferente e também por serem conscientizadas dos problemas que acontecem no nosso país.
As músicas do repertório apresentado por Anybal foram escolhidas a dedo, todas estavam voltadas para um único ponto: questionar o que está acontecendo no Brasil de hoje.

O Recital está registrado numa fita K-7 contendo todas as músicas, são elas:

01 - A MULHER, O RIO E O FILHO (Anybal & Anderson Freitas)
02 - FLOR DO QUERER (Celso Lourenço & Anybal)
03 - CATADEIRAS DE CAFÉ (Anybal)
04 - NATURA E PESSOAS (Anybal)
05 - O NOSSO NOSSO (Anybal)
06 - CAMINHADA (Anybal & Armindo Torres)
07 - DUAS LUAS (Anybal)
08 - TRILHOS TORTOS (Anybal)
09 - VERDE DA MATA (Anybal)
10 - O ANALFABETO POLÍTICO (Anybal & Bertold Brecht) 
11 - IMPRESCINDÍVEL CANTO NOVO (Anybal & Zé Guimarães)
12 - DEUS É RICO (Anybal)
13 - REACIONÁRIA DOIS (Anybal & Zé Guimarães)
14 - O PLANTADOR (Anybal & Zé Guimarães)
15 - NASCEREI DE NOVO? (Anybal)


Fita K-7 contendo as 15 músicas 
do Recital de Anybal, 
VERDE DA MATA, 
dirigido por Antonio Armindo
ocorrido no dia 26 de julho de 1990, 
na Exposição Agropecuária de Recreio-Minas.