domingo, 13 de outubro de 2019

sexta-feira, 4 de outubro de 2019

EM RITMO DE AUTOMAÇÃO - Sombuque, registro nº 53, 1969.



Em ritmo de automação foi composta em 1969. Anos atrás, um colega me parou na rua e disse, Tudo que está acontecendo no mundo hoje foi revelado pela sua música, naquela época. 
É claro que me baseei num texto, cujo autor não me lembro, acrescentando algumas coisas deduzidas por mim, através das notícias daquele momento.

anibal werneckfreitas, em 04/10/2019.
-------------------------------------------------

Em ritmo de automação was composed in 1969. Years ago, a colleague stopped me on the street and he said, Everything that is happening in the world today it was revealed by his music at that time.
Of course, I relied on a text, the author of which I do not remember, adding some things deduced by me, through the news of that moment.

anibal werneckfreitas on 10/04/2019.
------------------------------------------------



terça-feira, 1 de outubro de 2019

E ZÉ LUIZ NÃO MORREU - anibal werneckfreitas e Alberto M. Alves - Sombuque 1, Registro n° 03

Mesmo que eu queira parar de cantar, eu não consigo. A música está no meu sangue. Sempre pautei a minha vida através dela.

Even if I want to stop singing, I can't. The music is in my blood. I have always guided my life through it.






anibal werneckfreitas, em 02/10/2019.

PENSAMENTO - anibal werneckfreitas - Sombuque 1, Registro nº 02

Muita gente tem vergonha de mostrar, em termo de arte, o que fez na juventude, mostrando uma preocupação idiota, com o que as pessoas vão falar a respeito. Eu, por exemplo, não tenho este problema, graças à Deus. Tanto assim que aí está, Pensamento, música composta em 1965, na minha adolescência, no tempo de seminário, em Leopoldina-MG.




anibal werneckfreitas, em 01/10/2019.

MEU CHÃO AGORA É O CHILE - anibal werneckfreitas - Registro no Sombuque 3, nº 418

Na ocasião em que fiz esta música, eu estava muito pra baixo, estava pra morrer. Tudo partiu de uma ingratidão muito grande e de um desrespeito imensurável. Nunca imaginei que passaria por isso. Acredito que o meu maior problema é expor muito os meus sentimentos e também por não perceber a maldade à minha volta, isto sem levar em conta a minha mania de relevar tudo de ruim que me acontece. Hoje, eu procuro me precaver mais, pelo menos aprendi a lição. Mas, que dói, dói!





anibal werneckfreitas, em 01/10/2019.


segunda-feira, 30 de setembro de 2019

OS FAVELADOS - Registro no Sombuque 1, nº 01


Favelados, primeira música de minha autoria. Neste samba eu questiono a sentença da música famosa, Ave Maria no Morro, onde o autor Herivelto Martins diz, Quem vive lá no morro vive pertinho do céu, pela minha sentença de, Quem mora no morro não vive pertinho do céu. Olha que isso foi em 1963, profetizando o que está acontecendo hoje nas favelas, ou seja, um inferno.



 anibal werneckfreitas, em 30/09/2019.